Pesquize em toda a Web

Hotéis de luxo estão se unindo a sites de locação

domingo, 25 de junho de 2017

“Airbnb” para a classe A ganha espaço entre brasileiros


Até grandes redes de hotéis entraram para a locação de imóveis de luxo. No ano passado, o Accor, um dos maiores grupos hoteleiros da Europa, investiu US$ 12,5 milhões no site de casas de luxo Oasis Collections, que pouco depois anunciou a fusão com duas empresas brasileiras do setor, a Sampa Housing, de hospedagem corporativa na capital paulista, e a Exclusive Realty Rentals, que atua em Trancoso, na Bahia. O grupo hoteleiro também adquiriu a Onefinestay – a maior do setor, que administrava 2.600 casas e apartamentos – por US$ 169 milhões. 

Neste ano, o Airbnb deu o primeiro passo nessa direção, ao comprar a canadense Luxury Retreats, por US$ 300 milhões, e já está de olho em sites brasileiros. Segundo fontes do setor, a empresa estaria rondando a Mahnai, a maior nacional, que, por sua vez, está expandindo para o exterior desde que recebeu aporte de um investidor-anjo. Hoje, o Airbnb, o mais famoso dos sites de locação, tem 65 mil propriedades espalhadas pelo mundo, mas segue um conceito mais democrático.
O cliente pode alugar, por exemplo, até um quarto dentro de um apartamento. “Sempre foi possível locar até um castelo”, diz Amnon Armoni, coordenador do MBA de Gestão Estratégica de Negócios da Fundação Armando Álvares Penteado. “Só que agora ficou mais fácil, basta entrar na web”, disse. Antes, era necessário ter os contatos certos. “O luxo sempre foi baseado no tripé tradição, exclusividade e qualidade. Agora há mais um item importante, a inovação”, diz o professor.
O crescimento das empresas nacionais na web facilita a vida dos brasileiros que viajam para o exterior à medida que diminui a burocracia e a insegurança com contratos em outro idioma. “Já me decepcionei com um aluguel na Suíça. O apartamento era meio sujo e deu trabalho trocar”, diz o arquiteto Luiz Lacerda Soares Alcide, de 41 anos, que recentemente alugou pela primeira vez uma casa em Mykonos por um site especializado em imóveis de luxo. “Lá existia uma central que resolvia todos os nossos pedidos e problemas”.
Imóveis. O desejo de combinar o conforto de um hotel cinco estrelas com a privacidade de um endereço mais exclusivo está impulsionando sites destinados à locação de imóveis de luxo. No Brasil, o maior deles é o Mahnai, estruturado para atender as famílias mais ricas do país. A plataforma oferece 280 propriedades de clientes próprios e 800 de parceiros no exterior. A carteira de imóveis cresce 30% ao ano.
O segredo do negócio, segundo o advogado Flávio Sarahyba, um dos sócios do Mahnai, está no serviço oferecido ao cliente. Tudo é feito sob medida e não há limite para os desejos de quem aluga. “Uma das preocupações, principalmente de quem vem ao Rio, é com a segurança”, diz Charles Jonas, de 35 anos, gerente da Rio Exclusive, com 150 propriedades localizadas no Rio, na Bahia e no Ceará,
Bieber
Mansão. Em março, Justin Bieber ficou em uma das casas mais cobiçadas do site Rio Exclusive. A mansão no Joá, bairro nobre da zona oeste do Rio, custa R$ 9.600 por dia. 

0 comentários:

Postar um comentário

  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP