Pesquize em toda a Web

Secovi Rio lança Panorama do Mercado Imobiliário 2011

domingo, 1 de abril de 2012


 O Secovi Rio lançou nesta terça-feira (27/3) o Panorama do Mercado Imobiliário 2011, em evento no Porcão Rio’s. O Prefeito Eduardo Paes, que escreveu o prefácio da publicação, ressaltou que a valorização dos imóveis em toda a cidade comprovam os investimentos do governo em melhorias na infraestrutura urbana.

De acordo com a publicação, de janeiro a dezembro de 2011, o valor médio do metro quadrado para venda, na capital fluminense, subiu 15,8%, enquanto no mesmo período do ano anterior essa variação ficou em 42,1%. “O mercado imobiliário carioca viveu uma valorização muito grande nos últimos anos. Agora está ocorrendo uma certa acomodação do mercado, o que é bastante natural”, afirmou Paes.

A vice-presidente Financeira e de Desenvolvimento do Sindicato, Maria Teresa Mendonça Dias, que coordena as pesquisas da entidade, ratificou que a curva ascendente de preços está chegando em seu patamar de estabilização e a previsão é que aconteçam crescimentos mais moderados em 2012.

Entre os destaques do Panorama do Mercado Imobiliário 2011, a vice-presidente apontou os bairros da Gávea e Lagoa, na Zona Sul do Rio, que tiveram uma valorização expressiva nos preços do metro quadrado para venda. No primeiro, a variação para apartamentos de 3 quartos, de janeiro a dezembro de 2011, foi de 46%. No segundo, os de 1 quarto tiveram valorização de vultosos 91,5%, o maior índice registrado pelo Cepai.

Conforme previsto no início de 2011, a tendência de valorização em bairros da Zona Norte perdurou. Com a consolidação das UPPs, as diversas melhorias de infraestrutura em andamento e o aumento do número de construções com padrão comparável ao dos empreendimentos da Zona Sul, essa área da cidade vem atraindo população crescente. Destaque para Vila Isabel e Méier, que tiveram, respectivamente, valorização do metro quadrado para venda de 46,9% (2 quartos) e 62,4% (4 quartos).

– Interessante perceber que áreas como o Centro e o subúrbio estão se valorizando e recebendo novos moradores, o que significa que os investimentos em melhoria na infraestrutura estão surtindo efeito. A cidade tende a se valorizar na medida em que poder público cumpre com sua obrigação. É muito bom ver o subúrbio e a Zona Norte consolidados como locais dignos de moradia – afirmou o Prefeito.

Para o presidente do Secovi Rio, Pedro Wähmann, o ano de 2011 foi emblemático para o setor imobiliário. “Diante do cenário de supervalorização dos últimos anos, a população ficou assombrada com o risco de uma bolha, como a que estremeceu a economia norte-americana em 2008. Mas os dados contidos nesta publicação mostram que não há com o que se preocupar. Aqui, a alta dos preços está mais relacionada à prosperidade econômica do que a um excessivo endividamento da população, fator desencadeador da crise nos Estados Unidos”, declarou. (Fonte-Secovi-RJ)
.

0 comentários:

Postar um comentário

  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP