Pesquize em toda a Web

Mercado Imobiliario: Os caçadores do imóvel perdido

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Imobiliária monta equipe com 20 profissionais para buscar casas e apartamentos em São Paulo


Atender às exigências dos clientes é um desafio cada vez maior para as imobiliárias. Encontrar a casa dos sonhos parece mais difícil que as missões de Indiana Jones e sua arca perdida. A Lello não tem um caçador como Harrison Ford. Tem 20. Montado há um ano, o departamento de caça-imóveis hoje conta com 12 funcionários na área de vendas e oito em locações - fora os próprios corretores, que reforçam as buscas eventualmente. A Lello Imóveis tem cerca de 200 funcionários no total. Os caçadores passam de segunda a sexta gastando sola de sapato atrás de imóveis. Eles batem na porta das casas, falam com proprietários, zeladores, vizinhos e porteiros, em busca do imóvel vago - o Santo Graal da equipe.

As demandas cabeludas recebidas pelos corretores são repassadas a essa equipe, que vasculha a capital paulista e arredores. É função deles também convencer os proprietários de imóveis fechados e sem uso a oferecê-los para venda ou aluguel. Mas os caçadores não intermedeiam o negócio diretamente com os clientes. Essa função cabe aos corretores. Segundo Roseli Hernandes, diretora comercial da Lello Imóveis, no mês passado a equipe quebrou recorde de negócios efetivados após boas caças: 551 locações e 706 vendas.

Satisfeita com os números, Roseli promete ampliar a equipe. O plano é criar uma subdivisão de caçadores especializados em imóveis novos, que entrem em contato com as construtoras. Para quando é isso? “Para já”, disse Roseli em entrevista á DINHEIRO.

A carreira de caça-imóvel é indicada para quem gosta de trabalhar com imóveis, mas não gosta de lidar com as sazonalidades e volatilidade da venda. De acordo com Roseli, a carreira é mais estável, com ganho fixo e uma comissão quando o negócio é fechado.

Em um ano, o número de interessados em alugar um imóvel cresceu 25% na Lello Imóveis, que tem 18 filiais no Estado de São Paulo.(IstoÉDinheiro)

0 comentários:

Postar um comentário

  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP