Pesquize em toda a Web

Vendas de imóveis residenciais novos em SP caem 21% em 2011 segundo levantamento do SECOVI-SP

terça-feira, 6 de março de 2012

SÃO PAULO - As vendas de imóveis residenciais novos na cidade de São Paulo apresentaram queda de 21% no ano passado sobre 2010, passando de 35,9 mil unidades para 28,3 mil unidades, segundo levantamento divulgado hoje pelo Secovi-SP, o Sindicato da Habitação. A média anual de 2004 a 2011 foi de 30,2 mil unidades.

No ano passado, foram lançadas 37,65 mil unidades no mercado paulistano. A oferta final de unidades novas no fim do ano foi de 19,7 mil unidades, ante 16,5 mil unidades de dezembro de 2010.

Em relação ao total de imóveis novos vendidos na capital paulista, o montante chegou a R$ 13,3 bilhões, 0,7% acima dos R$ 13,2 bilhões de 2010, segundo levantamento.

A velocidade de vendas anual foi de 57,2%, parcela próxima à média histórica de 60,2% do período de 2004 a 2011.

A maior parte da comercialização de imóveis novos se concentrou no segmento de dois dormitórios, que respondeu por 47% do total, seguido pelo de três dormitórios, com a fatia de 30%.

O mercado de escritórios comerciais também teve expansão na cidade de São Paulo. Foram lançados 7,3 mil conjuntos no ano passado, 25,9% acima do volume registrado em 2010.
(Fonte/ChiaraQuintão/Valor)

0 comentários:

Postar um comentário

  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP