Pesquize em toda a Web

Rio e SP estão entre os cinco aluguéis mais caros das Américas para expatriados

sexta-feira, 9 de março de 2012


As cidades do Rio de Janeiro e de São Paulo estão entre as cinco mais caras das Américas para um expatriado alugar um apartamento de três dormitórios, segundo revela pesquisa realizada pela consultoria de recursos humanos ECA International, que analisou o preço desse tipo de imóvel em 130 municípios ao redor do mundo.
Conforme o levantamento, a capital fluminense está na 4ª posição do continente, enquanto que São Paulo está na 5ª colocação. Nova York, nos Estados Unidos, é a mais cara das Américas e a 4ª mais cara do mundo.
No continente, entre as dez mais caras, aparecem ainda Caracas, na Venezuela, na segunda colocação e Bogotá, na Colômbia, em terceiro lugar. Abaixo, as dez cidades mais caras das Américas.
Aluguéis mais caros
CidadePosição nas AméricasPosição mundial
Nova York
Caracas
Bogotá
Rio de Janeiro12º
São Paulo17º
São Francisco CA22º
Buenos Aires24º
Greenwich CT31º
Nova Jersey33º
Vancouver10º34º
Ranking Mundial
Ainda segundo a consultoria, no ranking geral, a cidade com aluguel mais caro é Hong Kong, onde um apartamento com as características analisadas sai por uma média de US$ 11.813 ao mês. Em seguida estão Tóquio, Moscou, Nova York e Londres
Mundialmente, o estudo aponta que o preço do aluguel de um apartamento de três quartos em 2011 ficou em torno de US$ 3.080, subindo 4,5% em relação a 2010. Nas Américas, a alta para o período foi de cerca de 10%, com o aluguel deste tipo de imóvel saindo em torno de US$ 3.010 mensais.
No ranking mundial, Rio de Janeiro e São Paulo aparecem na 12ª e 17ª colocações, com os aluguéis saindo, respectivamente, por US$ 5.210 e US$ 4.547. O aumento de preços entre 2010 e 2011 ficou em quase 20%, no Rio em termos de moeda nacional, e em 30%, quando convertido em dólares norte-americanos.
A consultoria acredita que o aumento de preços na cidade foi influenciado pela realização da Copa do Mundo de 2014 e das Olimpíadas de 2016. “A concessão dos Jogos Olímpicos e Copa do Mundo de futebol tem gerado um interesse substancial na cidade (…) Muitos imóveis antigos estão sendo reformados e novas propriedades de luxo estão sendo construídas, resultando em proprietários confiantes e aumento de aluguéis”, afirma o gerente geral da ECA International em Nova York, Lauren Smith.
Em São Paulo, o aumento médio dos aluguéis foi de 17%, em moeda local, e de 27% em dólares norte-americanos.(Infomoney)

0 comentários:

Postar um comentário

  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP