Pesquize em toda a Web

Sudeste é a região mais cara para construir

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

Os moradores da região Sudeste foram os que mais desembolsaram na hora de construir um imóvel no mês de janeiro.
Pesquisa do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), divulgada nesta sexta-feira (10), revela que o custo do metro quadrado na região chegou a R$ 852,39, incluindo materiais e mão-de-obra, enquanto que o custo médio nacional atingiu R$ 814,43 no mês passado.

Em seguida estão as regiões Norte, onde o valor do metro quadrado alcançou R$ 8826,61; Centro-Oeste, onde os custos atingiram R$ 814,81; e Sul, com o metro quadrado a R$ 804,07. Os moradores do Nordeste, por sua vez, foram os que pagaram menos na hora de construir no mês passado: R$ 769,19.

Em relação ao maior aumento de custo em janeiro, na comparação com dezembro do ano passado, a região Sudeste se destacou ao mostrar um avanço de 1,12%. Já a região Sul, por sua vez, foi a que teve o menor aumento no mês passado, avançando 0,05%, se comparado com o mês anterior.

Por estadoAo analisar os dados por estado, o Rondônia registrou a maior variação mensal, de 5,38%, seguida do Amapá, com 5,14%.

Na outra ponta, as menores elevações ficaram com o Acre, com alta de 0,01%. Além disso, Tocantins e Rio Grande do Norte mostraram estabilidade nos preços, na passagem mensal.

Com relação ao estado mais caro para se construir, o Rio de Janeiro ficou novamente em primeiro lugar, com R$ 907,71. Por outro lado, o Espírito Santo registrou o menor custo, de R$ 709,47.

ÍndiceO Índice Nacional da Construção Civil engloba o preço da mão-de-obra, que ficou 1,47% mais caro, se comparado com dezembro de 2011, e de materiais de construção, ficou 20,13% mais barato, na mesma base comparativa.

0 comentários:

Postar um comentário

  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP