Pesquize em toda a Web

Creci-CE faz campanha contra falso corretor

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012


O mercado imobiliário em Juazeiro do Norte está super aquecido, com novas unidades



O aumento da especulação imobiliária na região do Cariri tem chamado a atenção de investidores do setor, e também dos que atuam de forma irregular nas transações de imóveis. Esses são os que querem obter um pouco dessa fatia dos lucros e o prejuízo maior acaba ficando mesmo com o consumidor. O alerta para os casos, com crescimento deste setor, principalmente em cidades como Juazeiro do Norte, é dos próprios corretores, que vêm realizando campanhas para combater o que chamam de falso corretor.

Atualmente são credenciados em Crato, Juazeiro e Barbalha cerca de 200 corretores. O delegado do Conselho Regional do Corretores Imobiliários (Creci - CE), em Juazeiro, Fagner Canuto Tavares, destaca condições favoráveis na cidade, como a questão do turismo religioso e o comércio forte. Esses fatores têm atraído investimentos nos últimos ano. Por conta do "boom" imobiliário, muitos empreendimentos têm sido lançados nos últimos anos na cidade, alterando a característica arquitetôni-ca, com a verticalização dos imóveis. E essas áreas passam a ser valorizadas com preços além da realidade.

Para o corretor, essa não é uma situação apenas de Juazeiro e região, mas em cidades de porte médio no Brasil, que têm experimentado crescimento nos últimos anos. Os novos investimentos, segundo ele, têm tomado uma proporção muito boa, mas, por outro lado, existe a especulação imobiliária. "Temos que combater essa atividade ilegal e evitar a especulação daquele profissional que não é habilitado para fazer a avaliação", diz.

De acordo com o delegado regional, o mercado hoje tem um índice de valorização muito acima da realidade. A valorização anual do mercado chega a 15%, e, hoje, com a especulação, ultrapassa 30%. Conforme o corretor, essa situação chega a um determinado patamar que o nível de preços dos imóveis fica muito afastado da renda de cada Município e é necessário haver um ponto de equilíbrio.

(DiariodoNordeste/ESantos)

0 comentários:

Postar um comentário

  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP