Pesquize em toda a Web

Investimentos do Banese no setor imobiliário sergipano chegam a R$ 195 milhões

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012



Centenas de pessoas já realizaram o sonho da casa própria com financiamento da carteira da Crédito Imobiliário do Banese

Os investimentos do Banco do Estado de Sergipe (Banese) no setor imobiliário sergipano estão em torno dos R$ 195 milhões. Desde que foi reaberta, em 2008, após 15 anos afastada do mercado, a carteira de Crédito Imobiliário do Banese já destinou R$ 194,6 milhões para o financiamento de novas construções e aquisição da casa própria pelos sergipanos.

Segundo o diretor de Crédito de Desenvolvimento do Banese, Edson Caetano, do total desses recursos 100,4 milhões destinaram-se a pessoas físicas, especialmente funcionários públicos, para a aquisição da casa própria, e 94,2 milhões foram para empresas do ramo da construção civil, para a edificação de prédios residenciais.

O diretor do Banese também informou que das 1.051 operações de crédito realizadas, 1.038 destinaram-se à aquisição de unidades habitacionais por pessoas físicas, enquanto 13 foram para a produção de imóveis por empresas da construção civil.

“O Banco do Estado tem dado uma contribuição muito grande para Sergipe ao fazer a alegria daqueles que ainda não possuíam a sua casa ou apartamento e tiveram a oportunidade de adquiri-los através de um financiamento da nossa carteira de crédito imobiliário”, disse Edson Caetano.

Ainda de acordo com ele, o crédito imobiliário é uma atividade geradora de emprego e renda que está dentro do papel do Banese de promover o desenvolvimento da economia do estado. “Isso é determinação do Governo, orientação do nosso Conselho de Administração”, ressalta o diretor.

Crédito fácil
Entre os clientes do Banese, o empresário Tennyson Peixoto Barbosa, um dos sócios-gerentes da Construtora e Empreendimentos Peixoto Ltda (Empe), atribui a grande procura pela carteira imobiliária do Banco à celeridade no processo de liberação do crédito. “Temos uma satisfação muito grande em firmar contrato com um banco da terra, que tem uma diretoria que está aqui mesmo, em Sergipe, o que facilita a tomada de decisões e a rapidez dos processos”, disse o empresário.

Já de acordo com o presidente do Banese, Saumíneo Nascimento, o crédito imobiliário é também uma forma de fidelizar os clientes do Banco. “Aqui os nossos clientes têm um atendimento adequado e que busca imprimir a maior celeridade no processo de contratação das operações”, afirmou.(Fax Aju)

0 comentários:

Postar um comentário

  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP