Pesquize em toda a Web

Imóveis de alto luxo representam entre 5% e 10% dos lançamentos no PR

segunda-feira, 23 de maio de 2011

Apesar de o mercado imobiliário estar no momento voltado ao segmento econômico, os empreendimentos de alto padrão e alto luxo representam entre 5% e 10% dos lançamentos.
Neste segmento, que sempre tem clientes, o tamanho do imóvel é apenas uma das características. Vende-se, acima de tudo, o conceito do morar bem, com qualidade, conforto e segurança. 

E isso não é de se estranhar, já que, ao contrário do passado, as famílias estão diminutas. Com a atribulada rotina diária, algo que atinge em cheio também as classes mais abastadas, reconfigou-se as tendências da engenharia civil e da arquitetura. Enfim, a moda é aliar beleza, qualidade no acabamento e praticidade no lar.


Divulgação

Empreendimento de alto padrão entregue recentemente em Curitiba: conforto, 
tecnologia e área de lazer

O estilo de vida das pessoas é o que dita as tendências na área da construção e da arquitetura. Por isso, luxo mesmo é morar bem e se sentir bem em um lar que, necessariamente, não precisa ser gigantesco.
É preciso também poder se divertir à beça sem precisar sair de casa. 
Para o engenheiro civil Leonardo Ramos Fabian, gerente regional de uma construtora em Maringá, mais do que o tamanho, os interessados em imóveis de alto padrão querem acabamento de qualidade, tecnologia aplicada e estrutura de lazer. Ele cita como exemplo os imóveis luxuosos de apenas um quarto e que geralmente são localizados em bairros centrais.

"Hoje são considerados imóveis luxuosos aqueles que apresen-tam acabamento de primeira com materiais funcionais e de marcas reconhecidas, que contam com a possibilidade de automação, e que tem uma boa estrutura de lazer no condomínio, que permite ao morador utilizar áreas, sem se preocupar com manutenção e limpeza, como o espaço gourmet para receber os amigos, academia, piscina, entre outros", diz ele.

Para Antonio Beltrame, sócio-proprietário de uma imobiliária em Maringá, o público consumidor de imóveis luxuosos querem também segurança, conforto e, mais do que área de lazer, privacidade na hora de relaxar.

"Geralmente são ambientes exclusivos. Em casos de edifícios e condomínios, a maioria tem sua piscina em casa, tem sua hidroginástica, tem amplo espaço de lazer e até academia particular. A classe média tem tudo isso no coletivo", aponta.

Fabian comentas que os novos imóveis da classe média estão cada vez mais parecidos com os da classe alta. "Os empreendimentos para a classe média estão se aproximando dos imóveis de luxo nos aspectos lazer, comodidade e estrutura.

Porém, mesmo assim, os empreendimentos de luxo ainda contam com diferenciais de lazer, espaços maiores, equipamentos mais sofisticados e detalhes construtivos mais funcionais".

Requinte
Acabamento de qualidade e design refinado são primordiais para que um imóvel seja considerado de luxo e mais sofisticado.(Odiario.com-PR)

0 comentários:

Postar um comentário

  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP