Pesquize em toda a Web

Preço de apartamento sobe 2,4% conforme indice Fipe - Zap

sexta-feira, 8 de abril de 2011

O índice composto de preços FipeZap de apartamentos anunciados atingiu alta de 2,4% em março, ante acréscimo de 2,1% informado em fevereiro. No primeiro trimestre a alta chega a 6,4%. O município de São Paulo apresentou aumento de 2% no mês passado, mesma variação apurada em fevereiro. Entre as sete regiões pesquisadas, no mês a cidade do Rio de Janeiro registrou a maior variação positiva (3,2%), enquanto Salvador teve a menor (1%).

No acumulado em 12 meses a capital fluminense também lidera o ranking de altas dos preços de apartamentos, com aumento de 43%, seguido pelas cidades de São Paulo (25%), Belo Horizonte (22%) e Fortaleza (11%).

Por número de dormitórios, no conjunto das sete regiões pesquisadas, no mês passado o índice FipeZap indicou valorização de 2,4% para os imóveis de um dormitório na comparação com fevereiro. Na mesma base de comparação, os apartamentos de dois dormitórios apresentaram alta de 2,2%, os de três subiram 2,5% e os de quatro ou mais registraram aumento de 2%.


SP: preço médio do metro quadrado de apartamentos subiu para R$ 5.055 em março
Na capital paulista, em particular, o preço dos imóveis de quatro quartos ou mais voltou a desacelerar, passando de 1,5% em fevereiro para alta de 1% em março.

Desde janeiro de 2008, os apartamentos com um e dois dormitórios na cidade de São Paulo acumulam valorização de 96% e 97%, respectivamente, os de três dormitórios tiveram alta de 80%, enquanto os de quatro ou mais dormitórios subiram ao menos 60%. No Rio de Janeiro, esses números são, respectivamente, 118%, 105%, 102% e 85%.

Valor médio do metro quadrado
O preço médio do metro quadrado anunciado no mês passado ficou entre R$ 7.266 (Distrito Federal) e R$ 3.377 (Salvador). 

Conforme a pesquisa, na média das sete regiões, o valor do metro quadrado foi de R$ 5.190. Em São Paulo, o preço médio avançou de R$ 4.954 em fevereiro para R$ 5.055 em março, ultrapassando pela primeira vez a marca de R$ 5 mil. Entre as áreas ponderadas, o valor mais alto foi registrado no Jardim Paulistano (R$ 8.295) e o mais baixo, em Paraisópolis (R$ 2.491).

Já na capital fluminense, o preço médio do metro quadrado dos imóveis no período foi de R$ 5.995, com o valor mais caro sendo registrado no bairro do Leblon (R$ 13.167) e o mais barato em Guadalupe (R$ 808,00).

INDICES REGIONAIS
Clique nas imagens para Ampliar










0 comentários:

Postar um comentário

  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP