Pesquize em toda a Web

RJ: Lançamentos residenciais crescem 131,9% de janeiro a maio, comparado a 2009

quarta-feira, 21 de julho de 2010

RIO - Pesquisa da Associação de Dirigentes do Mercado Imobiliário (Ademi) mostra o quanto o mercado do Rio está aquecido. Entre os meses de janeiro e maio de 2010, foram lançadas 3.683 unidades residenciais, número 131,9% superior ao de 2009, que chegou a 1.588 no mesmo período.

O bairro campeão de lançamentos é a Vila da Penha, com 780 novas unidades, desbancando a Barra, que lno mesmo periodo ofereceu ao mercado 610 novas unidades. Em seguida, vem Jacarepaguá, com 532; Cachambi, com 442; e Campo Grande, com 280. Na Zona Sul, o único bairro que recebeu lançamentos foi Botafogo, com 183 unidades. Segundo a coordenadora da Pesquisa Ademi Mercado Imobiliário, Gabriella Szklo, é número mais alto dos últimos cinco anos.

- O ano de 2009 fechou com 14.251 novas unidades, uma recuperação surpreendente no segundo semestre, depois de superados os efeitos da crise que deixou o mercado em alerta no primeiro semestre - explica Gabriella. - Impulsionados pelo Programa Minha Casa Minha Vida, bairros que há muito tempo não recebiam novos lançamentos entraram no foco de interesse dos incorporadores e começam a ser renovados. É o caso de Campo Grande e Cachambi.

Na parte comercial, o Rio teve leve queda de lançamentos, de 1,22%, na comparação entre os períodos de janeiro a maio de 2010 e de 2009. O bairro líder do ranking, nos primeiros cinco meses do ano, continua a ser a Barra com 311 unidades comerciais, seguido por Jacarepaguá, com 69. No ano passado, até junho, além desses bairros, Madureira também apresentou lançamentos, com 192 unidades. Vale lembrar que, em 2009, o setor comercial apresentou um forte crescimento, de 80,4%: em 2008, ele representava 16% do total de lançamentos e passou para 25% em 2009.

Em 2009, o mercado de lançamentos apresentou crescimento enquanto o de vendas teve queda

No ano passado, o número de lançamentos imobiliários no Rio registrara crescimento de 16,5%, na comparação com o ano anterior, de acordo com a Ademi Rio. Foram lançados 14.036 imóveis contra um total de 12.048 em 2008. Tudo indica que até o fim deste ano, o Rio poderá apresentar ainda um crescimento maior.

Quanto às unidades vendidas, o mercado sofreu uma retração de 4,9% em 2009, na comparação com 2008. Foram 6.746 unidades comercializadas em 2009, ante 7.096 em 2008. As vendas à vista tiveram uma redução de 7,3% para 2%. Com relação aos financiamentos, houve aumento tanto dos realizados diretamente com o incorporador, passando de 35,2% para 48,2%, como também dos realizados com bancos privados, que passaram de 40,7% para 48%. Enquanto isso, os empréstimos habitacionais da Caixa Econômica Federal tiveram redução de 16,8% para 1,9%. (G1)

0 comentários:

Postar um comentário

  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP