Pesquize em toda a Web

Preço do Minha Casa, Minha Vida não vai subir, diz Márcio Fortes

sexta-feira, 9 de julho de 2010

Segundo o ministro das Cidades, Márcio Fortes, o valor dos contratos de financiamento da primeira fase do programa Minha Casa, Minha Vida não será reajustado.

“Não vamos mexer em nada na primeira fase do programa”, disse Fortes ao blog. “Isso pode vir a acontecer na segunda fase do programa, com uma nova legislação, a partir de 2011.”

De acordo com o ministro, apesar da queda no ritmo de financiamentos contratados no primeiro semestre do ano, o programa vai bem.

“Até 30 de junho, a Caixa havia contratado cerca de 530 000 unidades, das quais 89% foram contratadas no primeiro semestre de 2010.”

Segundo Fortes, o ritmo veloz de contratos fechados nos últimos meses de 2009, da ordem de 60 000 unidades/mês — contra uma média de cerca de 40 000 unidades/mês no primeiro semestre de 2010 — reflete apenas a sazonalidade da época de Natal.

Entretanto, segundo fontes do setor da construção ouvidas pelo blog, de fato o programa apresenta uma desaceleração preocupante, causada pela defasagem de pelo menos 10% no preço dos imóveis e também pela dificuldade de se encontarem terrenos com oferta de infraestrutura, como saneamento básico, pavimentação e energia, como exige a legislação que instituiu o Minha Casa, Minha Vida.

0 comentários:

Postar um comentário

  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP