Pesquize em toda a Web

Financiamento Imobiliario: Cenário é seguro

segunda-feira, 22 de março de 2010

Diretor do Banco Central, Alexandre Tombini, defende a criação de um índice para preço de imóveis

Um das atuais preocupações do setor imobiliário no Brasil é buscar outras alternativas de financiamentos, além da poupança (SBPE). O financiamento imobiliário deve puxar a expansão do crédito no País, num processo que já conta com o forte incremento do consumo, empréstimo consignado e do financiamento ao setor automotivo.

Apesar de representar menos de 5% do PIB (Produto Interno Bruto) nacional, o crédito imobiliário vem mostrando sua força nos últimos cinco anos.

É diante deste cenário, que o Banco Central visa acompanhar a expansão deste setor para que ele ocorra em bases seguras e transparentes. E, assim, evite o que ocorreu nos Estados Unidos: a "bolha" imobiliária que deu início à crise econômica mundial em 2008.

Crescimento

O diretor Normas e Organização do Sistema Financeiro do Banco Central, Alexandre Antonio Tombini, observou ontem, durante o último dia da 2ª Conferência Internacional de Crédito Imobiliário, que o financiamento para habitação no País cresceu 45% em 2009.

Tombini destacou que esse desenvolvimento deve ocorrer em ambiente sólido e sustentável e com arcabouço legal eficiente. A partir destes "desafios", segundo o diretor do BC, os principais objetivos de trabalho do órgão são estimular a concorrência a lançar novos produtos no mercado e aprimorar o marco regulatório.

Contratação ainda incipiente

Tombini reconheceu que a contratação de crédito imobiliário ainda é incipiente no País, mas seu potencial de crescimento já indica necessidade de alguns ajustes. "É preciso confrontar o comportamento do mercado neste período de crise, do qual saímos, com o modelo que queremos para crescer com qualidade nos próximo anos". Para atender esta finalidade, ele apontou o origem do crédito e a transparência dos contratos como fatores para promover esse crescimento sustentável. "Os agentes financeiros têm que preservar a qualidade das carteiras", afirmou. "O BC estará atento para intervir, se necessário".

Entre os fatores que devem ajudar a alavancar o setor, ele citou a securitização, que tem papel de atrair recursos compatíveis com o crédito imobiliário, e a criação de um indicador de preços para monitorar o mercado habitacional.

Indicador

Cotado para suceder Henrique Meirelles no comando do Banco Central (BC), o diretor de Normas da instituição, Alexandre Tombini, defendeu ainda a necessidade de criação de um índice de preços de imóveis (casas, terrenos, etc) Atualmente, só existem índices que medem custos da construção dos imóveis e não da variação do preços das casas, prédios e terrenos.

O novo índice, segundo Tombini, seria usado pelo BC no monitoramento do setor, que vem crescendo de forma expressiva no País, ajudando a evitar riscos para o sistema financeiro.

"Há uma necessidade de termos um indicador de preços confiável, robusto e com bastante abrangência. Não só para o mercado definir estratégias e mensurar riscos, mas também para o monitoramento do regulador e por parte das próprias instituições financeiras. Precisamos avançar nisso".

HÁ CRÉDITO
Cliente olha a capacidade de pagamento da prestação

O vice-presidente da área imobiliária do Sindicato das Empresas da Construção Civil no Ceará (Sinduscon-CE), André Montenegro, que acompanhou a 2ª Conferência Internacional de Crédito Imobiliário, garantiu que o mutuário conta com segurança para comprar imóvel.

"Há crédito hoje. As pessoas nem olham o valor do imóvel mas a capacidade de pagar a prestação durante um tempo. Temos prazo e financiamentos abundantes", diz. Acrescenta que o mercado está crescendo cada vez mais. "Mas precisamos de outras alternativas de financiamentos imobiliários".

Com o crescimento dos financiamentos, a poupança deve se esgotar e o Brasil deve ir atrás de outros investimentos", analisou o construtor. (CC)


CAROL DE CASTRO
REPÓRTER(Diario do Nordeste)

0 comentários:

Postar um comentário

  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP