Pesquize em toda a Web

Financiamento imobiliário: para não tornar o sonho em pesadelo, é preciso disciplina

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

SÃO PAULO – Este ano deve ser o ano do crédito imobiliário. Com tanta oferta, porém, o consumidor deve atentar a vários fatores antes de entrar em um financiamento, para que o sonho da casa própria não se torne um pesadelo.

Primeiro, é preciso estar ciente que um financiamento imobiliário é de longo prazo e exige disciplina. Antes de procurar algum banco ou financeira é preciso definir o que quer – se um imóvel usado, novo, na planta, apartamento, casa, o local.

Além disso, a situação financeira deve ser analisada com cuidado: quanto você tem disponível para a entrada? Quanto você pode dispor para o pagamento das prestações e por quanto tempo? Essas são algumas perguntas que devem ser feitas, como explica Raphael Rottgen, sócio da Sagace, empresa de consultoria em crédito imobiliário.

“Essas respostas ajudam a definir os produtos certos e encontrar a melhor opção”, afirmou, por meio de nota. “O processo de escolha e solicitação do financiamento imobiliário é complexo, mas quem segue algumas regras e dicas básicas pode ficar tranquilo”, disse.

Orçamento
Para não ter dor de cabeça depois que assinar o contrato de financiamento, veja se os documentos estão em dia e quite qualquer dívida pendente, para evitar que o seu nome entre nas listas de inadimplência.

Na hora de escolher o financiamento, preste atenção nas taxas de juros cobradas e no CET (Custo Efetivo Total) do financiamento – que inclui juros, seguros, taxas mensais e outras cobradas pelos bancos. Depois dessa conta, verifique se a prestação de fato cabe no orçamento.

Lembre-se de que, mesmo com a prestação, você não pode ficar com as contas bem fechadas no final do mês. É preciso que uma parte do se orçamento entre na conta, para emergências.

Planejamento a longo prazo
Outros fatores entram na conta na hora de verificar se é possível entrar em um financiamento agora. Além de verificar a sua situação financeira presente, é preciso projetar como ela será no futuro. Tem perspectivas de crescer na empresa? Pretende mudar de área? Quer aumentar a família?

Essas perguntas precisam de uma resposta, porque cada decisão poderá interferir diretamente no seu orçamento. Dessa forma, tente colocar todas as variáveis possíveis na calculadora, para não ter prejuízos depois.

Lembre-se ainda de que o financiamento normalmente é indicado para pessoas que têm valor de entrada para oferecer na compra do imóvel e que topam trocar o valor do aluguel pelo das prestações. (Infomoney)

1 comentários:

Pereira, F 20 de fevereiro de 2010 15:49  

nobre colega,

vc está de parabéns, seu blog é de alta categoria. Estou sempre acompanhando o seu blog, e gostaria de repassar as notícias que são muito bem escolhidas por você para as pessoas de modo em geral.

Queria sua permissão, para inclui-las em meu twitter (http://twitter.com/retaimobiliaria) como também no meu site: www.retaimobiliariacg.com.br, onde já divulgo notícias de outros locais.

Aguardo retorno.

[]s
Fabrício pereira
fabriciopereira@retaimobiliariacg.com.br

Postar um comentário

  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP